Oslo é a cidade europeia que vem apresentando o maior crescimento do continente

A cidade europeia que apresenta o maior crescimento desde o começo dos anos 2000, é Oslo, a capital da Noruega. A sua orla e diversos locais da cidade, apresentam diversos pontos onde se encontram guindastes e canteiros com obras. A população da cidade nos últimos dezessete anos teve um aumento de cerca de 30%, apresentando atualmente 660 mil habitantes. Entre essas pessoas que se mudaram para Oslo, a maioria delas está buscando melhores condições de vida. A cidade está sempre procurando melhorar as estruturas turísticas e culturais, para atender os moradores e também os turistas.

Oslo possui diversas paisagens maravilhosas e também verdadeiras joias arquitetônicas. Um novo museu está com a inauguração prevista para 2020, e abrigará as obras de Edvard Munch (1863-1944), um pioneiro pintor norueguês do expressionismo. Esse museu vai expor todas as obras do artista, totalizando 28 mil peças e fazendo parte desse incrível acervo, estarão esculturas, pinturas, gravuras e fotografias. Atualmente algumas obras de Edvard Munch estão expostas no Munch Museum, mas as exposições são temporárias e em espaços são pequenos.

A mais famosa obra do pintor norueguês,  O Grito,  não está exposta no museu com o seu nome. A pintura está exposta na Galeria Nacional de Oslo, que apresenta muitas outras obras de vários artistas conhecidos mundialmente, como Monet, Picasso, Renoir e Manet.

O museu que está sendo construído fica perto do Ballet e da Ópera de Oslo, uma construção que se destaca pela sua arquitetura contemporânea, que faz parte da reformulação da zona industrial de Bjørvika, que fica na beirada do fiorde e que transformou a região do porto de Oslo. No prédio onde fica a Ópera além das apresentações é possível visitar o monumento, que possui uma vista incrível do fiorde na parte mais alta da construção, principalmente à noite. A imagem da construção para quem observa de fora do prédio, parece que ele está aparecendo de dentro do mar.

As apresentações na Ópera e no Ballet de Oslo, são feitas em três salas, sendo que a maior delas possui quase 1.400 lugares. Concertos também podem ser realizados no foyer e no topo do prédio, como fez Justin Bieber, há cinco anos atrás.